CONCEIÇÃO DO MATO DENTRO VIVE EXPECTATIVA PARA A ORDENAÇÃO EPISCOPAL DO MONSENHOR MARCELLO ROMANO

07/09/2012 22:15

 

alt

Nesta quinta-feira, 6, a equipe da Rádio Vida Nova FM visitou o Santuário do Senhor Bom Jesus e conversou com o monsenhor Marcello Romano. Segundo monsenhor Marcello, o motivo de ser ordenado em Conceição do Mato Dentro se deu pelos laços familiares e pela raiz criada na cidade, pois foi nessa cidade que ele cresceu e viveu a infância. De família religiosa, sempre foi ligado às tradições da Igreja, o que influenciou a formação religiosa. “Estou muito feliz em ver todo o povo trabalhando para essa ordenação, tudo aos cuidados de padre Eduardo Ribeiro, mas saibam que isso não é para mim, e sim para Deus”, ressaltou o bispo eleito para Araçuaí.

A celebração eucarística, em que monsenhor Marcello será ordenado bispo, terá como ordenante principal o bispo diocesano de Caratinga, dom Emanuel Messias de Oliveira; e como co-ordenantes  o bispo diocesano de Guanhães, dom Jeremias Antônio de Jesus,  e o arcebispo emérito de João Pessoa (PB), dom José Maria Pires. Segundo monsenhor Marcello, a escolha para ter como ordenante principal dom Emanuel se deu pela amizade entre ambos enquanto o bispo de Caratinga esteve à frente da diocese de Guanhães, hoje governada por dom Jeremias. Dom José Maria Pires, assim como monsenhor Marcello, nasceu em Conceição do Mato Dentro e esteve à frente da diocese de Araçuaí, para onde o bispo recém-ordenado será enviado, entre os anos de 1957 e 1965. “Estou indo para Araçuaí, onde há um povo muito religioso, não estou levando nada, pois os meus planos são o de fazer parte da história de uma Diocese centenária”.

Após a ordenação episcopal, o bispo de Aracuaí presidirá a Missa em sua cidade natal, no domingo, 9 de setembro, às 8h, e em Guanhães,  na igreja catedral, às 19h. A posse canônica do bispo diocesano será no dia 16 de setembro, às 9h, na igreja catedral São José, em Araçuaí.

Em visita aos familiares do monsenhor Marcello Romano, todos/as foram unânimes em falar da formação católica do religioso.  Dona Conceição Guerra Correia, dona Ana Guerra da Silva e dona Zenaide Costa Guerra disseram: “Ele nasceu para ser padre. Na infância, brincava com os amigos de fazer celebração religiosa e procissão, indo à frente segurando o terço e o Menino Jesus. Sua ordenação é uma bênção para nós”. Silvana Romano, única irmã de monsenhor Marcello que reside em Conceição do Mato Dentro, expressou: “Somos sete irmãos e ficamos muito felizes quando soubemos da ordenação do Marcello”. Silvana contou que em todas as oportunidades a família se reúne para uma confraternização. Gina Romano, prima do monsenhor Marcello, conviveu com o religioso na infância e disse ser ele uma pessoa maravilhosa. Ela mora na Argentina e chegou a Conceição do Mato Dentro para a ordenação do primo.

Monsenhor Marcello Romano foi nomeado, no dia 13 de junho, pelo papa Bento XVI para a diocese de Araçuaí. Ele foi administrador diocesano de Guanhães até a nomeação do 3º bispo da Diocese, dom Jeremias Antônio de Jesus.

Monsenhor Marcello nasceu em Conceição do Mato Dentro em agosto de 1965. Estudou Filosofia na Escola Teológica do Mosteiro de São bento, no Rio de Janeiro (RJ), e, posteriormente, Teologia no Seminário Diocesano “Nossa Senhora do Rosário”, da diocese de Caratinga (MG). Ordenado presbítero em 1994, foi vigário paroquial da Paróquia São Miguel e Almas, em Guanhães (28 de janeiro a 8 de outubro de 1995), pároco em Braúnas (4 de outubro de 1995 a agosto de 1997) e em Joanésia (4 de outubro de 1995 a 7 de outubro de 1998), pároco em São Sebastião do Maranhão (7 de outubro de 1998 a 6 de dezembro de 2000), pároco em Conceição do Mato Dentro ( 6 de dezembro de 2000 a 2 de agosto de 2008), administrador paroquial em Morro do Pilar e Santo Antônio do Rio Abaixo (2 de agosto de 2004 a 7 de novembro de 2005), pároco em Peçanha (2 de agosto de 2008 a 7 de janeiro de 2012).

Desde 7 de janeiro de 2012, monsenhor Marcello exercia o ministério presbiteral em Conceição do Mato Dentro. Ele foi também reitor do Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinho; coordenador da Comunidade Vocacional Bom Jesus, coordenador da Pastoral Vocacional, promotor de Justiça na Causa de beatificação do Servo de Deus Cônego Lafayette da Costa Coelho, assessor da Catequese Diocesana e membro do Colégio de Consultores, do Conselho Presbiteral e Vigário Geral.


 

VIDA NOVA FM, 6/9/2012

Fonte: www.diocesedeguanhaes.com.br


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!